domingo, outubro 27, 2013

Nomes dos bairros, ruas, avenidas e outros(em aspas o significado em tupi)



Aclimação-de Jardim d´Acclimation(Paris), o bairro abrigou o primeiro zoológico de São Paulo; a região era utilizada para "aclimatação" do gado importado de outras regiões que transitava na região
Água Branca-nome de antigo córrego
Antártica(avenida)-vem de Cia Antártica
Água Rasa-na região o ribeirão Tatuapé era raso
Águia de Haia(avenida)-apelido dado a Rui Barbosa em virtude de seu desempenho em congresso realizado em Haia, Holanda
Ana Rosa(largo e est. de metrô)-vem de Dona Ana Rosa de Araújo Galvão, que doou herança para a criação do Instituto Dona Ana Rosa que cuidava de crianças abandonadas, depois o nome foi dado ao Largo Dona Ana Rosa
Anhangabaú-rio "dos malefícios, do diabo"
Anhanguera-"diabo velho", apelido dado pelos índios ao bandeirante Bartolomeu Bueno da Silva
Anhembi-rio "dos nhambus", espécie de peixe
Aricanduva(rio e avenida)-"lugar onde há muitas palmeiras da espécie airi"; nome da empresa de loteamentos de Ademar de Barros
Artur Alvim-nome do engenheiro que projetou a estação de trem
Barra Funda-na região a barra do Tietê era funda
Barro Branco-nome de córrego que ficava na Invernada(região para pastagem rodeada de obstáculos)
Bela Vista-vem da bela paisagem da região onde hoje é a Praça da Bandeira
Belém-vem de São José do Belém
Billings(represa)-do nome do engenheiro Carlos Billings
Bixiga-de Antônio Bexiga

Bom Pastor(rua)-nome de antigo instituto que cuidava de crianças
Bom Retiro-o local era procurado pelas pessoas para o seu "retiro" de fim de semana
Brás-de José Braz
Brás Leme(avenida)-do bandeirante Brás Esteves Leme
Brasilândia-vem de Companhia Brasilândia, de José Munhoz Bonilha
Bresser(rua e est. de metrô)-vem de engenheiro Carlos Bresser
Brooklin-vem de Brooklyn de Nova Iorque, em alemão da Idade Média significa ponte pequena
Butantã-"solo duríssimo"
Caiubi(rua)-chefe dos guaianazes
Cambuci-"pote"; tipo de árvore
Cangaíba-"cabeça ruim, dor de cabeça"
Canindé-"arara azul"; "vozerio, gritaria"; "escuro"
Cantareira-prateleira para guardar cântaros(vasos grandes para líquidos)
Campo Belo-no local havia uma parada de bonde com esse nome
Campo Limpo-vem de estrada do Campo Limpo
Campo de Marte-local onde Santos Dumont fazia experiências, em Paris
Campos Elísios-vem de Champs Elysées, em Paris
Capão Redondo-capão é uma porção de mato isolado
Carandiru-vem de candiru, peixe de água doce; nome de antigo córrego
Casa Verde-vem de meninas da casa verde, e depois de Sítio Casa Verde; tal sítio era propriedade de umas meninas que moravam na rua do Rosário(atual Quinze de Novembro) em uma conhecida casa verde
Catumbi-"mato cinza pardacento"
Caxingui-espécie de planta; rato do banhado
Cerqueira César-ex-governador de São Paulo
Chico Pontes(rua)-antigo comerciante
Chora Menino-achava-se que podia ser o choro de uma criança, mas provavelmente eram gatos no cio ou o barulho do vento em eucaliptos
Cidade Ademar-nome do engenheiro responsável pelo primeiro loteamento no lugar; diziam que a área era uma fazenda do ex-governador Ademar de Barros
Cidade A E Carvalho-nome de construtora
Cidade Dutra-vem de Eurico Gaspar Dutra
Cidade Líder-nome da empreendedora de Francisco Munhoz Bonilha(Líder Empreendimentos)
Cidade Tiradentes-nome do maior conjunto habitacional do bairro, cuja denominação foi em homenagem à Joaquim José da Silva Xavier (o "Tiradentes")
Conceição(est. de metrô)-vem de Parque da Conceição, de Vila Conceição(nome antigo do bairro), anteriormente de Nossa Senhora da Conceição
Conceição(avenida da zona norte)-vem de Estrada da Conceição, que ligava à Freguesia da Conceição de Guarulhos
Congonhas(aeroporto)-vem de Visconde de Congonhas, apelido do 1º governador de São Paulo que nasceu nessa cidade mineira
Consolação-vem de Nossa Senhora da Consolação
Cumbica-"nuvem baixa"
Curuçá-maneira como os índios diziam cruz
Cupecê(avenida)-"fronte da borda da mata"; nome de antigo sítio
Cursino(avenida)-de André Cursino
Dr. César(rua)-vem de engenheiro Luiz César do Amaral Gama
Ermelino Matarazzo-filho do conde Francisco Matarazzo
Freguesia do Ó-vem de Caminho de Nossa Senhora do Ó; as freguesias eram os bairros que ficavam nos arredores da capital(que se restringia ao centro) e que receberam essa denominação até a época da proclamação da república
Gasômetro(rua)-local de onde saía o gás para os lampiões
Grajaú-cesto fechado para transportar galinhas e aves; aparelho para conduzir louça de barro; aparelho para conduzir peixes; cidade e rio no Maranhão
Guaianazes-nome de antiga tribo indígena
Guapira(avenida)-"começo do vale"; "cortado"
Guarapiranga(represa)-"lagoa vermelha"; "garça vermelha"; nome de antiga aldeia indígena
Guarulhos-de Guaru, que significa "comedor"; "índio barrigudo"; nome de antiga tribo indígena; de Nossa Senhora da Conceição dos Guarulhos
Heliópolis-cidade do sol
Higienópolis-cidade da higiene; foi planejado para ser um bairro bem arborizado
Ibirapuera-"madeira podre"
Iguatemi-"rio sinuoso"
Inajar de Souza(avenida)-jornalista e repórter policial, conviveu com bicheiros do Rio de Janeiro e encontrou-se com Che Guevara
Interlagos-entre lagos
Ipiranga-"rio vermelho, barrento"
Itaim-"pedra pequena"
Itaim Bibi-vem de Itaim do Bibi, apelido de Leopoldo Couto de Magalhães
Itaquera-"pedra adormecida"; "pedra dura"
Imirim-"rio pequeno"
Indianópolis-vem de Indianápolis(EUA)
Jabaquara-"rocha"; "buraco"; "lugar dos refugiados"
Jacuí-rio "dos jacus"
Jaçanã-ave de peito vermelho que vivia perto do rio Cabuçu
Jaguara-"onça pintada"; vem de Barão de Jaguara, apelido de político influente dos tempos do Império e pai do loteador
Jaguaré-"lugar onde existe onças"
Jaraguá-"senhor do vale"; "morros que dominam os campos"; "água que murmura"
Jd. América-nome de esposa de um inglês fundador do bairro; de Cia Edificadora de Villa América
Jd. Anália Franco-nome de educadora atuante na região
Jd. Angela-vem de dona Angela(mulher do loteador); de Santa Angela
Jd. Avelino-de Gustavo Avelino
Jd. Brasil-vem de Companhia Agrícola e Imobiliária Brasil
Jd. Europa-vem de Sociedade Anônima Jd. Europa
Jd. França-de Cia Franco Paulista da Água Fria
Jd. Guedala-vem de Herbert Guedala(um dos primeiros presidentes da Cia City)
Jd. da Glória-vem de Chácara da Glória
Jd. Irene-em grego significa da paz

Jd. Peri-vem de Peri Ronchetti
Jd. Peri-Peri-"junco, brejo"
Jd. São Bento-vem de Mosteiro de São Bento
Jd. São Paulo-vem de Villa Paulicea, nome de antiga estação de trem e de bairro vizinho
Joaquina Ramalho(avenida)-filha do Barão de Ramalho
José Bonifácio-de José Bonifácio de Andrada e Silva, patriarca da Independência
Júlio Buono(avenida)-filho de Francisco Buono, antigo comerciante e proprietário de terras no local
Jurubatuba(rio)-"muitos jerivás"; espécie de palmeira; primeiro nome do rio Pinheiros, que recebeu o atual nome em 1950
Lajeado-vem de Santa Cruz do Lajeado
Ladeira da Memória-em memória ao governo provisório de São Paulo que fez obras importantes na região
Lapa-gruta, vem de Nossa Senhora da Lapa
Largo da Pólvora-vem de Casa da Pólvora
Lausane-vem de Lousanne, cidade suíça onde nasceu o loteador
Liberdade-nome dado a uma rua na época da abdicação de D. Pedro I(1831); nome dado ao antigo Largo da Forca quando se extinguiu essa pena de morte; diz-se também que o nome foi reforçado durante a época da abolição dos escravos(1888)
Limão-primeiros moradores encontraram pés de limão bravo
Luz-vem de Nossa Senhora da Luz
Mandaqui-rio "dos mandis", espécie de peixe; nome de ribeirão da região
Maria Cândida(rua)-esposa de Guilherme Praun da Silva(loteador do bairro)
Marsilac-vem de engenheiro Marsilac
M´Boi Mirim(avenida)-"cobra pequena"; nome de estrada e córrego
Moema-"mentira, falsidade"
Moinho Velho(no Ipiranga)-havia na região um moinho de trigo
Mooca-"faz casa"
Morumbi-"colina verde"; "mosca verde"; "lugar de lutas"
Mantiqueira(serra)-"lugar em que a chuva goteja"
Mutinga(avenida)-nome de ribeirão
Paes de Barros(avenida)-vem do nome do fazendeiro Rafael Aguiar Paes de Barros
Parada Inglesa-havia uma parada de trem próxima de um bairro fundado por um inglês(Vila Harding)
Paraíso-vem de Chácara do Paraíso
Parelheiros-de parelha de cavalos
Parque Bristol-cidade inglesa
Pedro Doll(rua)-proprietário de uma fazenda que ficava em Santa Terezinha
Penha-vem de Nossa Senhora da Penha; a região situa-se em uma colina, penhasco, lugar elevado
Perdizes-vem de Quintal das Perdizes
Perus-"pôr-se apertado"; Nhá Maria morava na área e criava perus
Pinheiros-vem de Nossa Senhora dos Pinheiros, e depois de Bosque dos Pinheiros
Pirituba-"vegetação de brejo"
Pari-cerca de taquara para pescar
Parque do Carmo-vem de Nossa Senhora do Carmo
Parque São Lucas-vem de Luccas, família loteadora do local
Pirajussara(avenida e rio)-"peixe que trava"; "peixe que dá coceira"
Piratininga-"peixe seco", as cheias secavam e os peixes ficavam no solo
Pacaembu-"arroio das pacas"
Panambi-"mariposa", nome de antiga fazenda
Parque Edu Chaves-nome de antigo aviador e amigo de Santos Dumont
Parque Novo Mundo-vem de Cia Predial Novo Mundo, do Banco Novo Mundo e que loteou também o Jd. São Paulo
Parque Peruche-vem de José de Paula Peruche
Piqueri-"animal de pequeno porte"
Pompéia-vem de Aretusa Pompéia(esposa do dono da maioria das terras); antiga cidade grega
Ponte Rasa-vem de Ponte Baixa, depois de Vila Ponte Rasa
Raposo Tavares-bandeirante Antônio Raposo Tavares
Sacomã-vem do nome da família loteadora do local e que possuía uma cerâmica(Sacoman)
Sapopemba-"raiz chata, muito enterrada"
Santana-mãe de Maria e avó de Jesus
Santa Cecília-vem da antiga capela de Santa Cecília
Santa Cruz(est. de metrô)-vem de capela de Santa Cruz
Santa Ifigênia-filha do rei Eglipo e da rainha Ifianassa da Etiópia
Santo Amaro-vem de Aldeia de Santo Amaro
São Domingos-vem de São Domingos Sávio, nasceu na Itália e era colaborador na obra salesiana; o proprietário do Banco Novo Mundo que loteou o bairro era Domingos Fernandes Alonso
São João(avenida)-vem de São João Batista
São Mateus-de Mateus Bei, italiano loteador do local
São Miguel Paulista-vem de São Miguel Arcanjo
São Silvestre(corrida)-vem do nome de um ex-papa da Igreja Católica que faleceu e também foi canonizado no último dia do ano.
Saúde-vem de Nossa Senhora da Saúde, e depois de Bosque da Saúde
-igreja matriz
Socorro-vem de Nossa Senhora do Socorro, e depois de Capela do Socorro
Sumaré-tipo de orquídea
Taquari(rua)-"bambu fino e pequeno"
Tatuapé-"caminho do tatu"; nome de antigo ribeirão
Tietê(rio)-rio "verdadeiro, profundo"
Tremembé-"brejo, lamaçal, pântano"
Tamanduateí(rio)-"lugar dos tamanduás"; rio "de muitas voltas"
Trianon(parque)-salão para reuniões dançantes que ficava no belvedere Trianon
Tucuruvi-"gafanhoto verde"; "taquara verde"
Vergueiro(rua e est. de metrô)-de José Vergueiro
Vila Alpina-vem de Alpes
Vila Andrade-vem do nome do banqueiro e dono da Chácara Andrade, Agostinho Martins de Andrade
Vila Anastácio-vem de Chácara do Anastácio
Vila Bancária Munhoz-do bancário Francisco de Munhoz Bonilha
Vila Carrão-de Conselheiro Carrão
Vila Clementino-do jurista Dr. Clementino de Souza e Castro
Vila Gomes Cardim-loteador do bairro, jornalista, advogado e político
Vila Gustavo-vem de Gustavo Backhauser
Vila Maria-sugestão de Eduardo Cotching(um dos loteadores)
Vila Mangalot-de Cia de Terrenos Mangalot
Vila Medeiros-de Francisco de Medeiros Jordão
Vila Nhocuné-vem de Senhor Coronel, como os escravos queriam chamar o seu dono
Vila Guilherme-de Guilherme Praun da Silva
Vila Ema-de Emma Nothman
Vila Hamburguesa-proprietário do sítio era de Hamburgo(Alemanha), e gostava da cerveja Hamburguesa
Vila Matilde-nome da filha da proprietária da gleba de terra, dona Escolástica Melchert
Vila Nova Cachoeirinha-a cachoeira ficava próximo onde hoje é a maternidade, na Inajar de Souza
Vila Olímpia-cidade grega
Vila Penteado-vem de Seu Penteado, antigo proprietário de terras no local
Vila Prudente-de Prudente de Morais, havia também a Cerâmica Vila Prudente
Vila Ré-vem de João Ré
Vila Romana-de Roma, cidade natal do loteador
Vila Sabrina-nome de artista ilaliana de passagem pelo Brasil
Vila Leopoldina-vem de Imperatriz Leopoldina; vem de Leopoldina Kleeberg(sócia da empresa loteadora)
Vila Madalena-de Madalena, cujas irmãs Ida e Beatriz também eram filhas de um fazendeiro
Vila Mariana-esposa de Alberto Kuhlmam, engenheiro da Cia Carris de Ferro que deu o nome a uma das estações de bonde a vapor que ia até Santo Amaro; junção de Maria e Ana, esposa e mãe de Carlos Petit, um dos moradores mais importantes
Vila Formosa-nome antigo de Ilha Bela
Vila Císper-nome de antiga indústria de garrafas
Vila Buarque-do engenheiro Manuel Buarque de Macedo
Vila dos Remédios-vem de Nossa Senhora dos Remédios
Vila Sônia-nome da filha de um dos proprietários de terra da região
Vinte e Cinco de Março(rua)-data da primeira constituição do Brasil(1824)

9 comentários:

Edilson disse...

O bairro da Aclimação tem este nome pelo motivo de que alguns fazendeiros ao imporatarem gados de outros locais levavam os mesmos para se aclimatarem à temperatura da cidade para um local que hoje é o Parque da Aclimação.

Anônimo disse...

No dia 24 de janeiro de 1947, o casal, Brasílio Simões e sua esposa Teresa, vendeu ao empreendedor imobiliário José Munhoz Bonilha, proprietário da Cia. Líder - que criou a Empresa Brasilândia de Terrenos e Construções para negociar os terrenos da gleba de terras adquirida e que deu origem ao loteamento denominado Vila Brasilândia. O nome Brasilândia, segundo relato de dona Tersesa Simões, em vida, no ano de 1983, ao jornalista Célio Pires de Araujo, responsável pelo levantamento histórico do bairro, doi uma homenagem ao seu marido, Brasílio.

Anônimo disse...

O nome Vila Maria vem das mulheres que lavavam roupas na beira do rio tiete na antiga ponte de madeira que atravessavam o rio.antigamente as pessoas quando não sabia o nome de alguém então diziam seu zé ou dona maria porque a muitas colonia portuguesa ainda no bairro.

BATALHAFAM disse...

A denominação "Penha" é anterior a instalação da capela de "Nossa Senhora". Designa uma região cheia de penhasco, de rochas; assim como Penhasco, designa uma região elevada, um morro, uma colina.
E era dessa maneira que, era vista e denominada por quem, à época (séc. XV e XVI), passava de barco pelo Tietê. PENHA, portanto, é uma região elevada, uma colina.

BATALHAFAM disse...

CIDADE TIRADENTES é a denominação dada ao maior Conjunto Habitacinal construido, em 1980, em terras da antiga Fazenda Santa Etelvina. Uma justa homenagem ao herói nacinal: José Joaquim da Silva Xavier (o Tiradentes).
A primeira Cohab paulistana, na zona leste, foi o Conjunto Habitacional Padre José de Anchieta (Cohab I), inaugurado em 1978.

Anônimo disse...

Muito bom o site,me ajudou em um trabalho que precisava fazer sobre São Paulo...

Luciana Freitas disse...

Vila dos Remedios tem esse nome por que antes de se tornar uma vila era uma chacara que cultivava ervas medicinais.

Anônimo disse...

Muito bom trabalho.

Existe em São Paulo uma estranha e deletéria mania das pessoas subdividirem os bairros em outros pedaços menores. Qualquer meia-dúzia de ruas já destaca-se do original formando um novo bairro. A confusão é tanta que alguns nomes chegam a sobrepor-se no famoso Guia de Ruas da Mapograf.

Porém, quando falamos em nomes de bairros e ruas estamos tocando em um ponto importante da nossa auto-estima que é a MEMÓRIA URBANA e como ela é fundamental para a formação da identidade de uma cidade.

Alguns nomes que faltaram na lista: Veleiros (zona sul, margem oeste da Guarapiranga) Caxingui (no Butantã) e o Eldorado. Este último possui a singularidade de ser formado por duas metades contíguas em dois municípios vizinhos: São Paulo e Diadema. Mas por não conhecerem a história dos bairros ou de Diadema os novos moradores do Eldorado paulistano - imigrantes de outros estados em sua maioria - recusam-se a falar seu nome correto. Preferem criar novas denominações gerando mais desinformação.

Para por fim à confusão, a Prefeitura deveria mandar incluir na placas o nome do bairro a que pertence determinada rua, além do CEP e zona.

Anônimo disse...

Casa Verde tem esse nome porque onde hoje é o bairro, antigamente havia um sítio, e nele existia uma casa pintada na cor verde, sendo conhecido como "Sítio da Casa Verde".